*A MP758/2016 Passou Enquanto o Brasil Discutia a Lista de Faxin. Por villorblue

Quando é de interesse da burguesia! Relatório da Medida Provisória 758/2016 foi aprovado em votação simbólica em sessão em menos de dez minutos…

Enquanto a lista de Fachin é levada ao extremo em toda e qualquer tipo de mídia existente no Brasil, uma vergonhosa MP758/2016 passa em votação simbólica no parlamento brasileiro.

É a Amazônia sendo entregue em pedaços, como uma enorme pizza para os capitalistas internacionais. Qual será a próxima investida ? O estado do Pará por completo ?

___________________________________________

Autoria: Presidente da República

Comissão: Comissão Mista da Medida Provisória nº 758, de 2016

Assunto: Social – Meio ambiente.

_________________________________________

Ementa e explicação da ementa

Emenda:
Altera os limites do Parque Nacional do Jamanxim e da Área de Proteção Ambiental do Tapajós.

Explicação da Ementa: (explicação vaga em nossa opinião)
“A Medida Provisória altera os limites atuais: do Parque Nacional (PARNA) do Jamanxim, localizado nos municípios de Itaituba e Trairão, no Pará, criado por Decreto (não numerado) de 13 de fevereiro de 2006; e da Área de Proteção Ambiental (APA) do Tapajós, localizada nos municípios de Itaituba, Jacareacanga, Novo Progresso e Trairão, no Pará, criada por Decreto (não numerado) de 13 de fevereiro de 2006 (cf. art. 1º da MP). As mudanças se devem à passagem da Estrada de Ferro 170, também chamada de Ferrogrão, em fase de construção. A MP, assim, estabelece que áreas excluídas que não forem efetivamente utilizadas, após a instalação da Ferrogrão, serão reintegradas ao PARNA do Jamanxim. A Medida Provisória prevê, ainda, que os imóveis rurais privados existentes no PARNA ficam declarados de utilidade pública para fins de desapropriação.”

Situação Atual; Em tramitação

Prazos abertos
29/05/2017 – Tramitação em regime de urgência
29/05/2017 – Prazo de vigência prorrogado
Último local:
12/04/2017 – Secretaria de Atas e Diários
Último estado:
12/04/2017 – APROVADO PARECER NA COMISSÃO

Explicação da Ementa:
A Medida Provisória altera os limites atuais: do Parque Nacional (PARNA) do Jamanxim, localizado nos municípios de Itaituba e Trairão, no Pará, criado por Decreto (não numerado) de 13 de fevereiro de 2006; e da Área de Proteção Ambiental (APA) do Tapajós, localizada nos municípios de Itaituba, Jacareacanga, Novo Progresso e Trairão, no Pará, criada por Decreto (não numerado) de 13 de fevereiro de 2006 (cf. art. 1º da MP). As mudanças se devem à passagem da Estrada de Ferro 170, também chamada de Ferrogrão, em fase de construção. A MP, assim, estabelece que áreas excluídas que não forem efetivamente utilizadas, após a instalação da Ferrogrão, serão reintegradas ao PARNA do Jamanxim. A Medida Provisória prevê, ainda, que os imóveis rurais privados existentes no PARNA ficam declarados de utilidade pública para fins de desapropriação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s